domingo , 14 julho 2024
Home / Notícias / Truda Palazzo recebe prêmio de entidade internacional de proteção aos animais

Truda Palazzo recebe prêmio de entidade internacional de proteção aos animais

Por João Batista Santafé Aguiar

 

recebido aqui em Londres o Animal Action Award da @ifawglobal . Uma das maiores honrarias da comunidade internacional que defende a Natureza.

O “Prêmio do Bem Estar Animal” (livremente traduzido) criado pela entidade clique aqui para acessar IFAW – International Fund for Animal Welfare ou Fundo Internacional para o Bem Estar Animal foi entregue na noite desta terça-feira (17/10/2023), em Londres, para o gaúcho José Truda Palazzo Jr, 60 anos, em cerimônia presencial. O presidente da entidade Azzedine T. Downes recebeu os convidados. Coube ao fotógrafo escocês Hamza Yassin entregar a premiação.

O staff do IFAW declarou estar impressionado com o trabalho de José Palazzo: “Ele dedicou literalmente anos de sua vida para salvar e proteger baleias e outras formas de vida marinha e por causa dessas contribuições é um prazer premiá-lo com um prêmio de ação animal”.

A entidade mantém diversos projetos em favor da conservação de animais em todo o mundo. Trata-se de uma organização global sem fins lucrativos que se descreve como composta por “especialistas e pessoas comuns, trabalhando em mares, oceanos e em mais de 40 países ao redor do mundo”. Dentre as atividades, resgata, reabilita e liberta animais e restauram e protegem os habitats naturais. O IFAW também está atuante na mortandade de botos-cor-de-rosa e botos tucuxis verificada atualmente em Tefé (clique aqui para ver a nota) e exaustivamente noticiada no AgirAzul.com.

Truda, visivelmente emocionado, se descreveu como sendo porto-alegrense, nascido no sul do Brasil: “Eu tinha 15 anos quando decidi que queria fazer algo pela vida selvagem e pela natureza. O que me faz continuar todos os dias é perceber que não há muitos de nós tentando fazer isso em um país em desenvolvimento.

Relatou que no Brasil, “sempre tivemos problemas estruturais, não temos os freios e contrapesos habituais para fazer as coisas funcionarem e fazerem cumprir as lei. Procurar acertar as coisas e a forma de superar isso foi tentar encontrar as brechas na burocracia do Brasil e até nos tratados internacionais.”.

Os animais dependem de nós fazermos o que pudermos todos os dias. O que mais me orgulha é certamente o fim da caça às baleias. Esta é uma atividade que se faz em todo o planeta, é cruel, é desnecessária. Nós realmente não pensamos que seríamos capazes de acabar com isso em nossa vida e agora acabou, basicamente acabou. Mostra o que podemos fazer quando todos trabalhamos juntos pela vida selvagem. Não devemos nos desesperar olhando para o que aconteceu no passado”.

O “Prêmio do Bem Estar Animal”

E passou uma mensagem otimista em seu curto agradecimento afirmando: “Ainda há tempo. Cada um de nós pode fazer algo, podemos realmente afetar a mudança”. Referiu-se à IFAW afirmando que a entidade tem sido presente na luta pela conservação da vida selvagem em todo o mundo em desenvolvimento e “isso tem sido muito importante para muitos de nós.”

É o indivíduo, ou melhor, os indivíduos motivados que provocam as mudanças nas nossas sociedades e podemos fazer isso. Aprendemos que especialmente no mundo em desenvolvimento, onde é difícil mobilizar a sociedade, existem pessoas que trabalham, como estas que estão aqui sentadas, que podem fazer uma grande diferença uma vez que comecem a fazer as coisas. Em suas vidas poderão fazer todas as coisas.”

Truda Palazzo foi à Londres acompanhado da esposa Nalu Beatriz Machado após revisitarem a Patagônia acompanhados do neto João Pedro. Reside atualmente na Bahia.

Truda Palazzo, Hamza Yassin e Nalu Machado, em Londres, 17/10/2023

Truda Palazzo, Hamza Yassin e Nalu Machado, em Londres, 17/10/2023

Fonte: agirazul.com 

Clique aqui para acessar o agirazul.com

Imagens de redes sociais e divulgação.

Gostou do conteúdo? Então siga-nos no FacebookInstagram e acompanhe o nosso blog! Para receber notícias ambientais em seu celular, clique aqui.

Leia também:

Uma segunda chance para a mineração na América Latina: elementos para reinventar sua história. Pontuações sobre um estudo da LLYC

Lei nº 14.691/23 é importante novidade legislativa! Mas ainda precisamos avançar

RECURSOS MINERAIS E A OPÇÃO PELO SUBDESENVOLVIMENTO – Uma reflexão de uma aula magna

Além disso, verifique

Não há direito ao fornecimento de energia em área de preservação permanente, decide STJ

É proibido o fornecimento de energia em área de preservação permanente

Por Danilo Vital Não há direito ao fornecimento de energia em área de preservação permanente, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *